Todas as “lendas” de boa ou má sorte…

Como as que se referem ao gato preto, ao pé de coelho, ao espelho quebrado, ao trevo de quatro folhas, a passar por debaixo de uma escada, à sexta-feira 13, a bater na madeira originaram-se nos tempos longínquos do passado, quando não havia uma explicação plausível e científica para os acontecimentos. Era comum atribuir o inexplicável ao sobrenatural e as pessoas passavam a acreditar no ilógico, no misterioso.

Entre os séculos XIX e XXI a ciência tem combatido a superstição e quando esta comprova os fatos, causas e razões dos acontecimentos, a superstição desaparece. O filósofo L. Ron HUbbard, matemático, escritor e criador de Dianética, afirma que é possível sim ser afortunado pela boa sorte, porém de uma forma sábia, coerente, lógica, racional e objetiva. Alcança-se isso através de estudo, conhecimento e sanidade mental, pois quanto mais são o homem for mentalmente, mais afortunado ele será; e quanto menos sã sua mente for, mais ele estará sob o efeito da Mente Reativa e esta impede que ele tome as decisões mais acertadas, aquelas que trazem a “boa sorte”, pois estando são o indivíduo só entra no jogo pra ganhar!

Acesse aqui: Terapia de Dianética no Brasil.

L. Ron HUbbard

whatsapp: 11.9.8797.3726

 

A Cristal Gloss deseja sucesso e interação a todos ! Participe conosco, compartilhando, curtindo nossa página e assine nosso Blog para receber novidades! Deixe seus comentários e opniões  de próximos posts !!! Bye!

 



COMENTE AQUI !